quinta-feira, 31 de outubro de 2013

No último domingo fizemos nossa Reunião de Equipe onde, além de ser escolhido o novo Casal Responsável para 2014 (Elisângela e Fábio), houve a acolhida dos 2 novos integrantes nascidos em Setembro de 2013.


Lorena – Filha do Casal Marta e Fábio nascida em 02/09/2013.

Marco Tulio – Filho do Casal Marina e Marco Aurélio nascido em 07/09/2013.

Sejam bem vindos! Deus seja louvado.

Claudia e Moisés
Eq. 21 B - Jundiaí/SP

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Retiro Anual – Um presente de Deus na vida dos Equipistas

Nos dias 18, 19 e 20 de Outubro realizou-se o terceiro e último Retiro do ano de 2013 das Equipes de Nossa Senhora, Setores A e B, da cidade de Jundiaí, na casa de Retiros Mãe do Bom Conselho.

Foi com muita alegria que nós e quase toda a nossa equipe (faltou 1 casal que estava participando da Formação Nível II em Sorocaba) realizamos mais um dos PCEs que a pedagogia do movimento nos coloca para crescermos na santidade conjugal.

O tema deste Retiro foi o documento “Porta Fidei”, publicado pelo nosso querido Papa Bento XVI por ocasião do início do Ano da Fé.

Grata foi a nossa surpresa já nas primeiras horas da Sexta-feira, quando nos deparamos com nosso pregador, Pe. Enéas, um sacerdote recém ordenado de nossa diocese, que com uma humildade e sabedoria ímpar nos instigou à queremos mais. Mais proximidade de Deus, da Eucaristia, do Sacramento da Penitencia, maior conhecimento dos Documentos da Igreja, da vida de nossos Santos, maior valorização dos Santos Anjos de Deus que estão ao nosso lado incansavelmente (conhecimento esse ignorado por muitos de nós) e como não poderia faltar em um Retiro das ENS, a valorização da Imaculada Conceição de Maria.

Voltamos para nossos lares gratos à Deus por ter-nos chamado mais uma vez para bem perto dEle, gratos por ter nos dado um sacerdote iluminado, gratos pelas graças que nos concedeu durante esses dias (Conhecimento, Oração, Confissão e Eucaristia) e por mais uma vez pode-Lo servir dentro do Movimento das Equipes de Nossa Senhora.

Márcia e Marcelo
Eq. 17A - Jundiaí/SP

As fotos do Retiro estão aqui.

O material (apresentações) fornecido pelo Pe. Enéas, estão disponíveis aqui:
- Ano da Fé 1 (Power Point)
- Ano da Fé 2 (Power Point)
- Ano da Fé 3 (Power Point)
- Ano da Fé 4 (Power Point)
- Ano da Fé - Perguntas para Reflexão (Word)



sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Mensagem do Pe. Caffarel aos casais equipistas

Se vocês jogam lealmente o Jogo das Equipes, vocês contam com uma ajuda eficaz. Se, durante a troca de ideias, cada um exprimir o que pensa, com absoluta simplicidade, se confessar o que ignora, se buscar a resposta a uma pergunta que é formulada, se refletir junto com todos os outros sobre a forma de traduzir em sua vida a verdade melhor compreendida, não tardará a tornar-se verdadeiro.

Se nossa oração, na reunião mensal, é algo mais do que uma bela dissertação, se ela traduz, mediante algumas palavras despidas de eloquência, de literatura, como se estivéssemos sozinhos diante de Deus, um pensamento, um desejo, um sentimento profundo da alma, chegaremos a nos tornar verdadeiros.

Se cada um praticar lealmente o que chamamos de partilhar, os membros das equipes não tardarão a se tornarem verdadeiros

Parece tão natural para casais que se submeteram a uma regra juntos e num espírito de ajuda mútua, que se mantenham a par dos esforços e dificuldades de cada um. Então, por que motivo tantos casais se opõem a partilhar? Não será, talvez, porque ainda estão acostumados a aparentar, a representar seu personagem, a cultivar sua reputação? Quando os casais de uma equipe se esforçam, por eliminar toda mentira, por se manterem em uma absoluta sinceridade, então - como me escrevia um deles "a comunhão dos santos entre cristãos que se tornaram transparentes uns com os outros, já não é apenas um dogma em que se acredita, mas uma experiência que se vive.

Pe Caffarel 
Centelhas de sua mensagem

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Casais de Jundiaí presentes na Formação Nível II

Neste final de semana (19 e 20/10/13) sob a benção do Senhor e iluminados pelo Espírito Santo, nós juntamente com os casais Rosa Maria e Alfredo (14 A), Hilde e Cezar (17 A), Erica e Wilson (18 A) e Elis e André (20 A) tivemos o prazer de participar da Sessão de Formação Nível II da Região SP Sul II na Casa de Retiro São José localizada em Sorocaba – SP.

Foram momentos únicos de conhecimento e capacitação. Logo na abertura no dia 19/10 o casal Kátia e Alexandre (Casal Responsável da Região Sul II) destacou a importância da FORMAÇÃO dentro do Movimento que como o próprio nome diz está em constante processo de transformação, por isso a importância do testemunho de nosso carisma, relembrando e transmitindo a missão de sermos casais portadores e anunciadores de Jesus Cristo como casais e para casais, através da pedagogia, ou seja, do conjunto de métodos e maneiras de propor a vivência aos casais na espiritualidade conjugal que é própria das ENS, destacando também a importância da participação das ações do movimento nas Noites de Orações, Missas, Leituras dos Documentos entre outras, aproveitando esses instrumentos que estão à disposição para auxiliar em nossa caminhada.

Na seqüência, Pe Fabio Ferreira da Silva – SCE da Região Sul II trabalhou o tema da Missão dos Casais Leigos que tem a responsabilidade de santificar o mundo através da chamada de Deus dentro da função de cabe a cada um de nós, onde paramos para refletir como temos vivido nossa vocação como equipistas, como casal e principalmente filhos diante de Deus. Que nossa caminhada é árdua como a própria Cruz de Cristo, ou seja, caminhamos para o calvário em busca de nossa santidade onde devemos ter ações em nosso apostolado que realmente anunciam o meu testemunho de Cristo, é preciso deixar-se permitir – “O azeite só sai da azeitona que se deixa esmagar” e a luz do Evangelho de Lc 5, 1-11, pudemos refletir o quão é necessário e importante que alem de “deixamos levar” temos que ACREDITAR.

Diácono Nilson trabalhou conosco a Encíclica “Doutrina Social da Igreja Católica” (Veridates Splendor) de 06/08/93 refletindo sobre a Teologia Moral, onde é necessário ação do homem de uma maneira ordenada com valores e critérios éticos e morais.

Irmã Hilde estudou conosco a Encíclica “Luz da Fé” (Lumen Fidei), destacando que para ser santo é necessário ter fé, pois somente pela razão somente, não se consegue iluminar o futuro, ou seja, a fé gera vida nova. Fé é um encontro pessoal com Jesus. Relembrou também dentro dos capítulos dessa encíclica a importância de valorizar as riquezas da vida, da família, do casamento, bem como, cuidar para que os povos possam viver em fraternidade.

No dia 20 através de uma brilhante dinâmica comandada pelo Pe José Roberto pudemos trabalhar o documento referente a “V Conferência de Aparecida”, onde com o envolvimento de todos os presentes além de repassar os pontos mais importantes inclusive tratando dos problemas sociais perante a igreja, tivemos o destaque da parte que trata a família, como tesouro mais importante.

Após a Missa de encerramento no final da manhã de domingo, tivemos mais uma vez, junto com nossos irmãos equipistas, a certeza de que é muito importante e imprescindível que todos possam encher-se cada vez mais de conhecimento e, principalmente da importância de “Deixar-se permitir”.

A fé é a busca de Deus. “Quanto mais o cristão penetra no círculo aberto pela luz de Cristo, tanto mais será capaz de compreender e acompanhar o caminho de cada homem para Deus” ( Cap. II-35 Encíclica LUZ DA FÉ).

Claudia e Moisés
Eq. 21 B - Jundiaí/SP

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Convite: Ordenação Diaconal

É com imensa alegria que, em nome do Seminarista Jonatas (AET da Eq. 20A), convidamos todos os equipistas a participarem da Solene Celebração Eucarística, na qual ele receberá a Sagrada Ordem, no grau do Diaconado, pela imposição das mãos e prece de ordenação de Dom Vicente Costa, Bispo Diocesano de Jundiaí. 

Será no dia 08 de novembro de 2013, às 19h30, na Paróquia Nova Jerusalém (Rua Dom Roberto Pinarello de Almeida, 115 - ao lado do Seminário Diocesano) em Jundiaí/SP.

Estejamos, desde já, em orações por essa vocação.


III Encontro Nacional das ENS - 2015 - Aparecida/SP

Quem ainda não fez a inscrição para o III Encontro Nacional das Equipes de Nossa Senhora, que acontecerá em 2015 na cidade de Aparecida/SP, deve se apressar para não correr o risco de ficar de fora desse grande evento.

Até as 8:00 hrs do dia 17/10/2013 (hoje), já haviam sido efetuadas 2.065 inscrições, sendo:
668 - Nordeste
124 - Província Norte
294 - Província Centro Oeste
245 - Província Leste
313 - Província Sul I
204 - Província Sul II
118 - Província Sul III

Já são mais de 4.000 pessoas inscritas! O que representa mais de 60 % do total de vagas. Faça já a sua porque as vagas são limitadas. Já tem Lista de Espera na Província Nordeste!

Todas as informações sobre inscrições estão aqui.

A inscrição para o Encontro de Aparecida é online e é aconselhável utilizar o navegador Internet Explorer. Usando outro navegador poderá ocorrer alguma instabilidade.

Acesse o site de inscrições clicando aqui ou entre no site do movimento (www.ens.org.br e clique no banner do Encontro, depois selecione a opção "Faça a sua inscrição"). Preencha os dados solicitados e pronto! O vencimento da primeira será no dia 30/12/2013, juntamente com o valor da Taxa de Inscrição.


terça-feira, 15 de outubro de 2013

Carta Mensal nº 475


Para quem ainda não sabe, a Carta Mensal também é disponibilizada aos equipistas por meios eletrônicos, ou seja, se você não estiver com a revistinha em mãos, pode acessa-la pelo computador.

Para ler a Carta Mensal de Outubro/13, basta clicar aqui.

Dentre as muitas matérias interessantes, essa edição traz também todas as informações necessárias sobre o 3º Encontro Nacional das Equipes de Nossa Senhora, que acontecerá em Aparecida-SP, de 30 de junho a 03 de julho de 2015.

Veículo de comunicação da Super-Região Brasil (responsável pelo Movimento no país), a Carta Mensal é considerada o instrumento de circulação da “seiva” do Movimento, importante na formação dos equipistas e para a unidade do Movimento, divulgando as notícias de interesse geral da comunidade.

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Informações - Retiro Anual de Outubro

Caro casal equipista,

Aproxima-se um novo momento para o qual Deus nos chama: nosso Retiro Anual. Não podemos impedir esta graça, não podemos recusar esta alegria que vem de Deus. Ao contrário, aproveitemos este tempo privilegiado de parada, de escuta, de oração e de renovação espiritual.

O Retiro é também um tempo forte de voltar-se para dentro de si mesmo e fazer um exame geral de vida, especialmente sobre o nosso caminho de crescimento no Movimento.

Acreditando que o Retiro é um encontro marcado com o nosso Deus, vamos usufruir de tudo o que Ele preparou para nós através de palestras, momentos de reflexão, partilhas e celebrações litúrgicas.

Pedimos que desde já preparem seus corações para tornarem-se terreno fértil para receber a Palavra de Deus e entender o plano que Ele tem para o casal.

Informações importantes:
* Data: 18, 19 e 20 de outubro
* Local: Centro de Convivência Mãe do Bom Conselho (Rua Josué Zambon, 150 – Jd. Colonial)
* Chegada/Recepção: 6ª feira, às 19:00 h, com Jantar às 19:30 h
* Término: Domingo, com almoço às 12:30 h
* Levar Bíblia, terço e material para anotações, individualmente. Levar também roupa de banho (toalhas), pois a casa oferece apenas roupa de cama.

Que Deus os abençoe e até lá!

Equipes Organizadoras: 04A e 10B

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Nova equipe em pilotagem

Ontem, 06 de Outubro, tivemos a alegria de receber em nossa casa seis jovens casais que estão chegando para o nosso Movimento.

Fomos convidados a fazer a Pilotagem desse grupo, o que, além de nos deixar um pouco assustados, ao mesmo tempo nos causou muita alegria, já que conhecíamos alguns deles.

São eles:
Elaine e Nestor
Elaine e Nilson
Camila e Robson
Daniela e Fernando
Daniele e Luis Felipe
Rosângela e Sidney

A reunião aconteceu num clima muito agradável, e logo percebemos que o grupo está bastante aberto às propostas do Movimento, refletindo já em convidar um sacerdote de nossa Diocese para ser o SCE da Equipe. Também já estão pensando num título de Nossa Senhora para ser a padroeira.

Para nós foi muito gratificante já esse primeiro encontro, pois queremos partilhar com eles todas as riquezas que encontramos nas ENS, e mais ainda, porque são jovens, estão iniciando sua vida Matrimonial, e buscando viver a Espiritualidade Conjugal, para fortalecer os laços e graças que o Sacramento do Matrimônio nos traz.

Contamos com o acolhimento e a oração de todos para que essa nova Equipe seja muito abençoada por Deus, e que a caminhada seja cheia de graças.

Que Nossa Senhora, nossa Mãe, nos ajude nessa missão tão importante!

Hilde e Cézar
Equipe 17 A - Jundiaí/SP

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

A Eucaristia é uma festa, não uma mera lembrança

Na Casa Santa Marta o papa Francisco destaca que a missa não é um evento "social" ou "habitual", mas a "memória da Paixão do Senhor", a sua presença real no meio de nós

A missa não é um "evento social", e sim a presença real do Senhor em meio a nós. A celebração eucarística não deve ser transformada num "evento normal", porque é sempre uma "festa", disse o papa Francisco na homilia desta manhã (03/10/13) na Casa Santa Marta, celebrando na presença do conselho de oito cardeais criado para ajudar na reforma da Igreja.

A primeira leitura (Nm 8,1-4a.5-6.7b-12) se concentrou na “memória de Deus”: a este respeito, o Santo Padre observou que o povo de Deus experimenta a "proximidade da salvação" e começa chorar "de alegria, não de tristeza"; antes disso, o povo "tinha lembrança da Lei, mas era uma lembrança distante".

Mesmo hoje em dia, todos nós "temos a memória da salvação", mas às vezes essa memória está "domesticada", "um pouco distante", quase "como coisa de museu".

Quando a lembrança se torna mais próxima, porém, ela se transforma em "alegria do povo", que "aquece o coração" e que é "um princípio da nossa vida cristã".

O encontro com a memória é "um acontecimento de salvação, é um encontro com o amor de Deus que fez história e nos salvou". É por isso que "precisamos fazer festa".

No entanto, muitas vezes, "nós, cristãos, temos medo da festa" que nasce da "proximidade do Senhor" e perdemos a "memória da Paixão do Senhor", reduzindo-a toda a uma "lembrança" ou a um "evento rotineiro".

Frequentemente, vamos à igreja como se fôssemos a um "funeral". A missa nos entedia, porque não é algo próximo. Ela “vira um evento social e não estamos perto da memória da Igreja, que é a presença do Senhor na nossa frente”, disse o papa.

Devemos, portanto, tomar o exemplo do povo de Israel (cfr. Nm 8,1-4a.5-6.7b-12), que se reaproxima da sua memória e chora, com o coração aquecido, alegre, sentindo que a alegria do Senhor é a sua força. “E faz festa, sem medo, com simplicidade”.

No final da homilia, o papa convidou: "Peçamos ao Senhor a graça de manter sempre a sua memória viva, próxima, e não domesticada pela rotina, por tantas coisas, e distante, reduzida a mera lembrança".

Fonte: Zenit

terça-feira, 1 de outubro de 2013

2º Retiro Anual das ENS Jundiaí - 20, 21 e 22 de Setembro de 2013

O retiro anual das ENS, realizado entre 20 e 22/09/2013, foi realmente uma benção para os casais equipistas dos setores A e B de Jundiaí.

Conduzido pelo Pe. José Alem, cmf (Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria), o retiro teve realmente um ambiente e clima de retiro, pois assim o Pe. Alem buscou desde o início: manter o grupo com o coração calmo e acalentado pelo Nosso Senhor Jesus.

Na sexta-feira à noite, o Pe. Alem apresentou a ideia geral do que seria o retiro, deixando a nós, equipistas, já bem claro que seria uma oportunidade única de um encontro íntimo com Jesus, pois deveríamos prezar pelo silencio, tentando aproveitar não somente os momentos de sala ou capela, mas cada minuto, nos intervalos, na hora de dormir, refeições, enfim, todos os momentos como um verdadeiro retiro espiritual, aliás, isso foi muito enfatizado, há várias formas de reunir-se em comunidade para um período de horas ou dias, como encontros, cursos, formações etc., mas retiro tem um sentido especial, explicado pelo Pe. Alem, que o retiro espiritual deve ser feito como uma experiência de deserto, buscando em Deus e somente nele as respostas, para isso todas as distrações e barulhos devem ser minimizadas ou se possível anuladas, daí a necessidade do silencio, da calma.

Foi também partilhado que o retiro deve ser aproveitado como tempo de crescer na graça e no conhecimento de Jesus Cristo, de crescer como pessoa, como discípulo (aquele que segue o mestre), como missionário (que leva Jesus aos outros), crescer como casal e família, e finalmente crescer como membros das ENS.

Sendo muito honesto, alguns de nós casais ENS, ficamos surpresos ao receber logo no início do retiro um 'Programa’ com todo o conteúdo do retiro, os horários, orações e os demais momentos do encontro, mas o mais surpreendente de tudo e ao menos para nós casais da Equipe 20A, é que o retiro trouxe momentos surpreendentes de profunda experiência de Deus mesmo tendo tudo planejado e descrito em nossas mãos, as surpresas foram chegando e tomando conta de nosso ser.

O Pe. José Alem, certamente carregado de muitas benção de Nosso Senhor Jesus, nos levou a acalmar o nosso coração, a fazer tudo com mais calma e principalmente menos barulho, pois a profundidade da oração e a experiência do deserto se torna muito difícil ou superficial na agitação que costumamos trazer em nossos dias, e infelizmente mesmo durante nossas celebrações as vezes, ou em momentos espirituais.

Despertamos o sábado com uma oração da manhã com uma mensagem cheia de esperança, onde o Pe. Alem destacou a longanimidade de Nosso Senhor, ou seja, Deus que em sua divina paciência é capaz de suportar afrontas em benefício do afrontador (nós pecadores), Ele não reage como nós em querer dar o troco, linda forma de começar o dia.

Ao longo do dia várias meditações do Pe. Alem, sempre de profunda espiritualidade e muita sabedoria, fazendo com que nosso amor pela nossa Igreja Católica e pelas coisas de Deus só aumentasse em cada minuto que o Senhor nos comunicava através de seu servo e representante diante de nós.

O tema principal meditado foi a Conversão, para o qual o Pe. Alem muito sabiamente colocou pensamentos que nos levasse a entender e vivenciar o que é a busca pela conversão e o que ela deve trazer, ao dizer por exemplo: É necessário que nossa alma se recolha e se encontre com Deus, se isso não acontece é como uma roda desgovernada, batendo de um lado e de outro, pois Deus é o nosso eixo, e se não estivermos fixos a ele é impossível manter uma direção.

Também refletimos bastante sobre os "Objetivos do ano da Fé", passando pela reflexão sobre a redescoberta da fé, sobre uma renovada conversão e chegando a vivencia da Eucaristia e o testemunho da Caridade.

Um dos momentos centrais do dia (no sábado) para nós equipistas foi também fazer o dever de sentar-se, direcionado com a reflexão sobre como estamos vivendo a nossa Fé e o que fazemos para buscar crescer na Fé em Deus.

Tivemos ainda uma catequese litúrgica sobre alguns pontos essenciais da liturgia da missa, no qual foi explicado alguns nomes e significados de objetos, paramentos e alfaias litúrgicas assim como sobre os tempos litúrgicos, momento também muito rico, seguido pelo maior dos momentos, a Celebração da Eucaristia.

O sábado finalizou-se com a Noite Mariana, que como tudo que está ligado a Maria nossa mão foi agraciado.



No domingo fizemos a meditação mais particular sobre o PCE Regra de Vida, que enriqueceu nosso entendimento desse importante ponto e desafio em nossas vidas, e assim pudemos bem celebrar juntos o Dia do Senhor, com a santa Eucaristia.

Aprendemos ainda durante o encontro algumas orações que certamente ajudam, a nós casais e famílias bem viver a boa nova que Jesus anunciou, entre elas destaque para a "Oração ao Espirito Santo (Paulo VI)", que nos leva a pedir a Deus, na pessoa do Espirito Santo, dar-nos um Coração Grande e Forte, capaz de amar verdadeiramente, oração que traz a mensagem do Evangelho resumida; e aprendemos ainda a oração "À Vossa Proteção" direcionada a Nossa Senhora.

Foi realmente um retiro espiritual com todo o conteúdo e clima de um verdadeiro retiro, afastamento das criaturas e das coisas, e principalmente do barulho e da agitação, no qual em busca de revisitar como anda nossa Fé, partilhamos e refletimos sobre o importante PCE da Regra de Vida.

Que Nosso Senhor Jesus Cristo mantenha acesa essa chama da Fé profundamente vivenciada durante esse retiro das ENS.

Marcela e Valdenir
Equipe 20A - Jundiaí/SP

A fotos deste final de semana estão aqui
(Fotos: Marcela/Valdenir, Daniele/Mayron)